Troféu dos campeões de Boxe já está no Museu

entrega_taca_boxe_museu_291116-1

Depois de no passado dia 20 terem conquistado o título nacional de consagrados ao serviço do FC Porto, esta terça-feira foi o dia de António Silva e Pedro Ribeiro entregarem o troféu de boxe ao Museu FC Porto by BMG, numa cerimónia que contou com a presença do presidente Jorge Nuno Pinto da Costa. Após o momento simbólico da passagem da taça das mãos dos atletas para o presidente, o líder portista fez questão de lembrar os seus primeiros tempos no clube, em que durante três anos foi dirigente do boxe, secção pela qual nutre um “carinho especial”.

Atletas e staff presentes na ocasião consideraram que desde a abertura das Piscinas de Campanhã, que passou a ser a casa do boxe azul e branco, as condições de treino melhoraram consideravelmente e esse passou também a ser um fator determinante para o sucesso da modalidade. Unânime também é a opinião sobre o futuro da secção e da modalidade no clube, para a qual esperam continuar a somar triunfos.

Jorge Nuno Pinto da Costa
“É uma taça que me dá muito prazer receber, pois no meu início como dirigente estive ligado a esta modalidade durante três anos e por isso tenho um carinho especial por ela. Hoje estão aqui estes, mas não foram eles os únicos a ganhar. Vencemos em quatro categorias e por isso, oportunamente, serão todos homenageados, pois foi de facto uma época brilhante, que marcou o regresso das vitórias no boxe.”

António Silva (atleta-91 Kg)
“Representar este clube é uma inspiração. Represento o FC Porto, que é o meu clube do coração, e intrego-me de corpo e alma a esta modalidade. Quando representamos o nosso clube ainda mais gozo nos dá chegar a estas conquistas. Recordo-me bem do dia que venci o título. Já ando nesta modalidade há alguns anos e nunca tinha conseguido uma conquista deste género e por isso foi um orgulho enorme. As condições são cada vez melhores, somos acompanhados por excelentes treinadores e estamos muito satisfeitos. Agora é revalidar todos os anos.”

Pedro Ribeiro (atleta-60Kg)
“Significa muito para mim entregar este título ao Museu, porque é o clube que eu sigo desde pequeno e tanto amo. Já tinha dois títulos, mas este é o máximo da categoria e queria muito consegui-lo. Recordo esta vitória como uma das coisas mais difíceis que já fiz. Primeiro foi a batalha contra o peso e depois foi ter lutado a semifinal e a final num fim-de-semana. Com a ajuda de todos consegui trazer este título para o clube e para a minha equipa. Estou muito contente com o facto de o presidente nos proporcionar estas boas condições e por isso só lhe podemos prometer mais títulos.”

José Carlos (diretor da secção de boxe)
“É uma grande alegria. Conseguimos quatro títulos por equipas e isso é derivado a termos instalações com um nível acima da média em Portugal. Agradecemos isso ao nosso presidente. Para a próxima época é para continuar a vencer.”

Rafael Pinto (treinador)
“Felizmente este ano ganhámos muitos. Tivemos alguns atletas lesionados, mas conseguimos recuperar estes títulos. Estes dois atletas são muito bons. O Pedro já é meu atleta há seis anos e já foi campeão de cadetes, de juniores e agora de consagrados…não há palavras. ”

*in FCPorto

Comentários