Táctica de cagão + guarda-redes sem estalão = DESILUSÃO

porto-liverpool

Que bela desilusão tive esta noite, eu e milhares de portistas que com certeza não esperavam um resultado destes. Aliás não esperavam uma derrota sequer, apesar de sabermos das dificuldades que teríamos pela frente.

Continuo convencido que temos equipa para ganhar uma eliminatória ao Liverpool, mas não a entrar a defender num jogo em casa, nem com um guarda-redes que entrou mais nervoso que uma pessoa claustrofóbica presa num elevador.

Sérgio Conceição conseguiu criar uma equipa de espírito forte, que em território nacional ainda não perdeu um jogo, e ganhou quase todos os jogos disputados. Disse na conferência de imprensa anterior ao jogo que “o grupo está muito confiante naquilo que faz”. Pelos vistos o treinador não tem assim tanta confiança, pois gosta sempre de entrar a defender na Champions e hoje essa decisão foi crucial, agudizada pelo duplo erro/frango de José Sá.

Podem dizer que não se pode dar espaços ao Liverpool, porque tem jogadores muito rápidos no ataque, mas e onde fica a ambição? O sector mais débil, fraco mesmo, do Liverpool é a defesa, e com a postura da nossa equipa só conseguimos criar duas boas jogadas, e curiosamente em ambas apenas não marcamos por azelhice própria. Duas boas jogadas, duas ocasiões flagrantes de golo (de Otávio e de Soares).

O pior foi que com a equipa toda dentro do seu meio-campo, ainda assim permitiu ao meio-campo e ataque do Liverpool rodar a bola a seu belo-prazer. Os mecos do Milner e do Henderson pareciam 2 Maradonas no meio-campo, a fazerem o que queriam e a nossa equipa sem fazer qualquer pressão.

E se a princípio até estava a ser uma posse de bola estéril, tudo se desmoronou com o duplo erro de José Sá, primeiro na reposição de bola e depois no remate que deixou passar por baixo do corpo.

Espero que Sérgio Conceição se deixe de casmurrices e coloque a jogar os melhores, e entre os melhores estão Casillas e Oliver.

Já sei que vou ser muito criticado, mas vou aqui tornar público o que há meses digo aqui em casa: José Sá não é sequer o nosso 3º melhor guarda-redes. Está abaixo de Casillas e Diogo Costa. Espero que não seja por casmurrice que Casillas continue no banco…

Só espero que este resultado pesadíssimo, provavelmente das maiores goleadas de sempre sofrida em casa, não afecte a moral da equipa para o que resta de campeonato. Mas sinceramente não me parece que seja possível esquecer um 5-0, faltando ainda a 2ª mão.

 

QUE DESILUSÃO

*foto LUSA

Comentários