Sub19 derrotados no Mónaco por 3-2

UEFA Youth League Grupo G 1 Jornada 13-09-17 Madi Queta

O FC Porto somou na tarde desta terça-feira a primeira derrota na edição de 2017 da UEFA Youth League, após perder no Centro de Treinos do AS Mónaco a formação monegasca, por 3-2. Os Dragões começaram a partida praticamente a perder, com um golo ao quarto minuto, desvantagem que conseguiram recuperar graças a golos de Junior Maleck e um autogolo de Mukinayi. Já dentro dos últimos 15 minutos, um bis de Bongiovanni valeu o triunfo à equipa da casa (6 pontos), que assim assume a liderança do Grupo G. Quanto ao FC Porto (3), segue no segundo posto, com dois pontos de vantagem sobre Leipzig (1) e Besiktas (1).

Quatro minutos foi tempo que os franceses precisaram para se adiantarem no marcador, na primeira real aproximação à baliza de Ricardo Silva: Jordi Mboula, de pé esquerdo, fez o primeiro golo da tarde. Em desvantagem, os Dragões reagiram, mas o empate só chegou no último instante da primeira parte. Junior Maleck, também de pé esquerdo, concluiu uma boa jogada ofensiva. Pelo meio, Diogo Dalot ainda falhou uma grande penalidade, Moreto acertou com a barra e Diogo Queirós viu Misfud negar-lhe o golo com uma grande defesa.

A reação portista não esmoreceu com o intervalo. Aos 53 minutos, Romarío Baró apontou à baliza uma bola que Mukinayi desviou para o fundo das redes da própria baliza, dando uma justa vantagem aos forasteiros. Em vantagem, a eficácia voltou a não aparecer do lado azul e branco e a aparecer em excesso do lado monegasco, com alguma sorte à mistura. Numa tentativa de cruzamento, Bongiovanni acaba a festejar o 2-2 (78m) e oito minutos depois (86m) o mesmo haveria de confirmar o triunfo monegasco. Antes do apito final, os Dragões voltaram a ficar perto do empate, mas este não foi definitivamente o dia de felicidade da equipa de João Brandão.

FICHA DE JOGO

Mónaco-FC PORTO, 3-2
Youth League, 2.ª jornada, Grupo G
26 de setembro de 2017
Centro de Formação do AS Mónaco

Árbitro: Alain Duriex
Assistentes: Daniel da Costa e David Mateus Santos
Quarto árbitro: Abdelkader Benchabane

Mónaco: Mifsud (cap.), N´Gakoutou, Abanda Mfomo, Popovic, Badiashile, Diallo, Mboula, Antognelli, Sylla, Antonucci e Bongiovanni
Substituições: Antonucci por Thuram Ulien (46m)
Não utilizados: Abonnel, Amilcar Silva, Mbock, Behe, Toutain e Goulano
Treinador: Frédéric Barilaro

FC PORTO: Ricardo Silva, Diogo Dalot, Diogo Queirós, João Lameira, Diogo Bessa, Paulo Estrela, Madi Queta, Moreto Cassamá (cap.), Junior Maleck, Romário Baró e João Mário
Substituições: João Mário por Mateus Santos (69m), Moreto Cassamá por Pedro Justiniano (76m) e Romário Baró por Fábio Vieira (83m)
Não utilizados: Mário Évora, Vítor Ferreira, Fábio Vieira e Jorge Teixeira
Treinador: João Brandão

Ao intervalo: 1-1
Marcadores: Jordi Mboula (4m), Junior Maleck (45+1m), Mukinayi (a.g. 53m), Bongiovanni (78m, 86m)

Disciplina: cartão amarelo a Bongiovanni (63m), João Lameira (67m), Vítor Ferreira (70m), Thuram Ulien

*in FCPorto

Comentários