José Peseiro não quer esperar pela segunda mão da meia-final

Ao início da tarde de hoje, depois do treino matinal, José Peseiro fez a conferência de imprensa anterior ao jogo contra o Gil Vicente. Desde já uma certeza, Peseiro não quer deixar a decisão para a segunda mão.

Vamos apresentar o nosso melhor onze amanhã. Sabemos que a eliminatória se disputa em dois jogos e temos a ambição de estar na final no fim do segundo jogo, mas queremos já deixar a nossa marca, de forma convicta.

Sobre o adversário, apesar de ser da II Liga, Peseiro não espera facilidades:

O Gil Vicente ainda não perdeu em casa e eliminou duas equipas da Primeira Liga, o Tondela e o Nacional. Sabemos disso, temos a noção e a certeza de que vão querer estar no Jamor, mas nós também temos esse pensamento. Há quatro anos que não estamos na final, queremos lá estar e para que isso se concretize é importante vencermos amanhã, sermos competentes e termos noção da responsabilidade e da força do adversário.

Este ano o Porto não tem boas recordações em jogos contra equipas da II Liga (derrotas com Famalicão e Feirense para a Taça da Liga):

É outro jogo, com outro enquadramento e contexto. Não estamos focados no que fizemos noutros jogos, mas a pensar nas tarefas que temos que cumprir, com determinação, empenho, solidariedade e a ambição tremenda que temos de estar no Jamor. É isso que nos vai orientar.

Na noite passada encerrou o mercado de inverno, e o Porto apenas se reforçou para a equipa B. Peseiro realça a qualidade dos jogadores ao seu dispôr:

Sobre o mercado de Inverno, o que me apraz dizer é dar as felicidades aos que saíram e ainda mais aos que entraram. Temos muitas competições, o que é um bom sinal, vários objetivos e plena confiança nos jogadores e no seu potencial. São mais do que bastantes e a densidade competitiva não nos amedronta nem atemoriza.

Comentários