Derrota caseira do Porto B

oleg_torneio_cidade_do_movel_2017_150517-1

O FC Porto B perdeu este domingo frente à Oliveirense (2-1), no Estádio de Pedroso, em partida referente à 25.ª jornada da Ledman LigaPro. A equipa comandada por António Folha continua na liderança da prova, com 44 pontos, mais um do que Académica e Arouca.

A Oliveirense entrou melhor no encontro e os minutos iniciais promoveram um duelo particular entre Diogo Costa e Brayan Riascos, mas nas duas situações entre ambos o jovem guarda-redes portista levou a melhor, com muita categoria (14m e 17m). Pouco depois, João Amorim conseguiu desfeitear Diogo Costa num remate rasteiro de fora da área (19m), mas quando o empate parecia certo ao intervalo, Oleg Reabciuk deu o melhor seguimento a um livre muito bem batido por Rui Moreira (45m).

A etapa complementar também teve muito que se lhe diga. Aos 50 minutos, Rui Moreira proporcionou uma defesa vistosa a Coelho na cobrança de um livre direto e, na sequência, Oleg Reabciuk ficou a centímetros de bisar. Já com o FC Porto B em inferioridade numérica depois do discutível cartão vermelho direto mostrado a Musa Yahaya (59m), Diogo Valente fez o 2-1 para a Oliveirense, numa grande penalidade a castigar uma falta de Diogo Leite sobre Brayan Riascos (73m). Chidera ainda rematou à trave (89m), mas os Dragões não lograram chegar ao empate.

“Depois da entrada que tivemos na segunda parte, pensávamos que seria possível ganhar, mas em inferioridade numérica tudo se torna mais complicado. É com a mentalidade da segunda parte que temos de jogar sempre. Cometemos alguns erros que a Oliveirense soube aproveitar, mas tomámos contra do jogo até ficarmos com dez. Parabéns aos jogadores, porque foram dignos e trabalharam muito. Vamos dar tudo para vencer os jogos que faltam. O que podemos prometer é máxima dedicação”, afirmou António Folha, no final do encontro, em declarações ao Porto Canal.

FICHA DE JOGO

FC PORTO B-Oliveirense, 1-2
Ledman LigaPro, 25.ª jornada
18 de fevereiro de 2018
Estádio de Pedroso, em Vila Nova de Gaia

Árbitro: Bruno Rebocho
Assistentes: António Franco e Nuno Ferreira
Quarto árbitro: Tiago Leandro

FC PORTO B: Diogo Costa (g.r), Musa Yahaya, Diogo Queirós, Diogo Leite, Oleg Reabciuk, Luizão, Rui Moreira (cap.), Luís Mata, Madi Queta, Danúbio e Santiago Irala
Substituições: Danúbio por Chidera (68m), Diogo Leite por Tony Djim (82m)
Não utilizados: Mouhamed Mbaye, Cláudio, Chikhaoui e João Cardoso
Treinador: António Folha

Oliveirense: Coelho (g.r); Alemão, Sérgio Silva, Mathaus e Ricardo Tavares; Filipe Gonçalves, João Mendes e João Amorim; Sérgio Ribeiro, Diogo Valente e Brayan Riascos
Substituições: Ricardo Tavares por Godinho (46m), Filipe Gonçalves por Oliveira (67m) e Diogo Valente por Serginho (75m)
Não utilizados: Jenné, Rafa, Clayton e Boukassi
Treinador: Pedro Miguel

Ao intervalo: 1-1
Marcadores: João Amorim (19m), Oleg Reabciuk (45m), Diogo Valente (73m, pen.)

Disciplina: cartão amarelo a Diogo Valente (49m), Luís Mata (69m), Alemão (83m), Godinho (85m); cartão vermelho a Musa Yahaya (59m)

*in FCPorto

Comentários